segunda-feira, dezembro 11, 2006

Outra passada rápida por SP

Passei uma noite em SP, O tinha um evento na Puc e no dia seguinte tínhamos um almoço na casa da minha sogra. (Miki, nem deu para combinar nada!). Almoçamos em um restaurante próximo da faculdade, o Di Torino, pedi uma massa recheada com abóbora, estava boa, O pediu um gnocchi de abóbora (é, ficamos na abóbora!), ele não gostou muito. O queijo servido para polvilhar os pratos não era bom, meio rançoso. A comida pesou e não estávamos muito bem.
À noite, fomos convidados para um coquetel na casa de um professor, bebemos um pouco de vinho branco, comemos um pedaço de quiche e salada e voltamos rápido para o hotel. Como ainda estávamos com fome, pedimos comida pelo room service. O pediu um beirute e eu, uma salada. A salada estava ruim, cheia de azeite de má qualidade, deixei quase tudo no prato. O comeu todo o sanduíche dele. No meio da noite, ele acordou se sentindo mal e tomou dois engovs e um sal de frutas. Eu também não estava legal. Comemos bem pouco no café da manhã. Nem comemos a bacalhoada na casa da minha sogra (cometemos uma ofensa grave), mas só de olhar para o azeite na travessa já sentia enjôo. Fiquei na salada e nos canapés. Acho que estamos acostumados com a comida aqui de casa e está ficando difícil comer fora... E eu gosto tanto de comer fora! :-(

Um bairro na beira da Anhangüera

Um congestionamento básico perto da entrada de SP, tinha até gente vendendo cabos para conectar o celular no carro passeando entre os veículos.

Vista do hotel em Perdizes

A Puc


3 Comments:

Blogger Akemi said...

Eu também sinto o estômago pesar quando vamos comer fora nos finais de semana. Durante a semana só na base de refogados e comida caseira, o estômago leva susto mesmo com comidas mais pesadas! Que pena que não deu para vc e a Miki se encontrarem! Mais dó ainda foi deixar de comer esta famosa bacalhoada!

12/12/06 9:54 AM  
Anonymous renata lampião said...

Não tem coisa pior do que azeite de má qualidade.E queijo rançoso, ai.Realmente,haja estômago ! Mas um conselho: da próxima vez faça um pf com a bacalhoada, ponha na sacola térmica rs para quando for pegar a estrada.

17/12/06 11:13 PM  
Blogger miki w. said...

oi, karen!
nossa, fazia tempo q eu não passava por aqui :-p!
nossa, que coisa chata essa das comidas :-(... acho mais provável que vcs tenham passado mal por conta de não serem lugares que preparam a comida com capricho e amor do que qualquer outra razão!
e não se preocupe quanto ao encontro, com certeza haverá muitas oportunidades, não é mesmo?
beijinhos, miki

28/12/06 9:46 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home